Câncer de Próstata – Vamos dar um jeito no preconceito?

Câncer de Próstata – Vamos dar um jeito no preconceito?

Estamos no mês que nos lembra a importância da conscientização do diagnóstico precoce do câncer de próstata.

De acordo com o Instituto Nacional do Câncer (Inca), a estimativa é que em 2017 o Brasil totalize 61,2 milhões de casos diagnosticados. Só no Estado de São Paulo serão mais de 291 mil registros da doença que, quando se fala em câncer, só não mata mais homens em todo o mundo que o de pulmão. Segundo o American Cancer Society, é como se um em cada sete homens sejam diagnosticados com a doença ao longo da vida, no planeta.

A idade é um fator de risco importante para o câncer de próstata, uma vez que tanto a incidência como a mortalidade aumentam significativamente após os 50 anos. Quanto mais cedo o câncer de próstata for descoberto, maiores serão as chances de cura da doença.

Porém mesmo às margens de um novo século, onde os homens estão modificando seus comportamentos como pais, sendo mais participativos e companheiros, sendo mais compreensivos, ainda existe uma dificuldade grande para lidar com questões ligadas a saúde. Os homens tendem a negligenciar mais os aspectos do bem-estar e principalmente, são menos comprometidos com a prevenção de desequilíbrios do corpo e da mente.

O preconceito ao exame de toque na região anal, fundamental para a detecção precoce do câncer de próstata é uma herança machista que atrasa nossa sociedade no combate a essa doença. Muitos especialistas já comemoram as mudanças de comportamento, porém não é incomum encontrarmos homens que se recusam a fazer o exame, numa tentativa “descabida”, de se preservar, ou legitimar, sua masculinidade. Ainda permanecem tabus de associar a doença a práticas de sexualidade promíscua e riscos de disfunção erétil.

A causa exata da maioria dos cânceres de próstata não é conhecida, mas nos últimos anos pesquisadores começaram a entender que algumas mutações no DNA das células podem fazer com que as células normais da próstata se desenvolvam de maneira anormal formando o câncer e descobriram que seu desenvolvimento pode estar ligado ao aumento das taxas de determinados hormônios. Níveis elevados de andrógenos (hormônios masculinos, como a testosterona) promovem o crescimento celular da próstata e podem contribuir para o risco de câncer de próstata em alguns homens.

A notícia boa é que com o exame preventivo e hábitos saudáveis de vida, os homens podem evitar o câncer de próstata.

Já está comprovado que uma dieta rica em frutas, verduras, legumes, grãos e cereais integrais, e com menos gordura, principalmente as de origem animal, ajuda a diminuir o risco de câncer. Outros hábitos saudáveis também são recomendados, como fazer, no mínimo, 30 minutos diários de atividade física, manter o peso adequado à altura, diminuir o consumo de álcool e não fumar.

Fique atento aos sintomas:

  • Urinar menos que o normal

  • Urinar com maior frequência, especialmente à noite, pouco de cada vez

  • Dificuldade de urinar

  • Dor ou sensação de ardor

  • Presença de sangue ou sêmen na urina

  • Ejaculação dolorosa

9 visualizações

Bálsamo Spa Natural

(61) 3033-3397 ou (61) 99654-6881

SMLN Trecho 7 chácara 9/DF-015

Lago Norte – Brasília – DF
contato@balsamospa.com.br

  • Bálsamo Spa
  • Bálsamo Spa